Racionalmente, quem consegue dar atenção para todos seus amigos do facebook? Sinceramente, eu não consigo. Não consigo dar atenção a todos os meus amigos. E por isso eu sou ruim? Não sou ruim! Eu sou realista, eu tenho as minhas obrigações e responsabilidades diárias. E nem sempre consigo encaixar todas as pessoas na minha rotina.Olhando dessa maneira fica bem mais claro o motivo pelo qual acabamos nos distanciando de algumas pessoas queridas. Em 24 horas não dá pra olhar pra si e olhar para TODOS ao nosso redor.

O facebook facilita a conexão entre as pessoas, mas cria vínculos imaginários, ligações irreais. Estar em contato com várias pessoas, para alguns, dá a sensação de que estamos conectados eternamente. Isso não é real!

Amizade é relacionamento! É vivência! É contato! É compartilhar! E fazemos tudo isso através do facebook. Só um único detalhe, de forma virtual.

E amizade é relacionamento: olho o olho. É vivência: dividir o pão, comer juntos. É contato: contato físico, abraçar. É compartilhar: ter condições de contar suas tristezas e alegrias, com toda sinceridade, sabendo que não será julgado ou desprezado por suas fraquezas.

Rede social, contato  virtual, é bom! É importante para manter contato com amigos antigos que moram longe, manter contato com pessoas que moram perto, mas que não conseguimos encaixar no nosso dia a dia. Para manter os relacionamentos profissionais. São muitas as vantagens.

Agora, AMIGOS, aqueles que choram e riem com a gente em qualquer situação, só reconheceremos mantendo contato físico. Visitando, dividindo o pão, secando lágrimas e comemorando as conquistas. E infelizmente, com o pique da vida adulta, não conseguimos manter contato tão próximo com todos os que passaram em nossas vidas. Mas, eles viverão sempre no nosso coração.

“Amigo é coisa pra se guardar. Debaixo de sete chaves. Dentro do coração…” – Canção da América. Ouso complementar, “e andar do nosso lado, sempre que possível”. ❤

Já que as lembranças são boas, vale re-assistir e pra quem não conhece assistir… rs… o clip de Milton Nascimento cantando “Canção da América”.

Beijos de luz,
Michelle Cruz

Obs.: Se os “beijos de luz” não iluminarem seu caminho que, pelo menos, fulminem seus pensamentos ruins.